De velhas raizes minhas,

umas vivas, outras mortas,

retirei ervas daninhas

p’ra poder abrir mais portas.

Outros blogues:
http://www.worldartfriends.com/pt/users/maria-letra
http://www.recantodasletras.com.br/escrivaninha/

sábado, 29 de janeiro de 2011

GENTE "BEM"

 
O dom da palavra,
Numa palavra sem dom.
Sorrisos em linha olíqua,
Põem os cabelos em pé,
Do povinho, já sem Zé.
Discursos com renda e laço
Enlaçam quem não tem rendas.
Apertam,
Torturam,
Esmagam,
Vértebras de colunas tortas,
Sem vertical,
Quase mortas.
Vénias, perfumes e palmas,
Agitam as suas almas.
Eles todos juntos,
São muitos!....
Um a um, não são ninguém,
Mas chamam-se a "Gente Bem" !?!

Maria Letra
Enviar um comentário