De velhas raizes minhas,

umas vivas, outras mortas,

retirei ervas daninhas

p’ra poder abrir mais portas.


quinta-feira, 27 de junho de 2013

DIGAMOS TODOS PRESENTE (poema canção)

 












Amor,  sentimento em pena,
contra o ódio está lutando…
O povo é quem mais ordena!
Que venha lutar, cantando.
Se como eu, tens coragem
e tanta determinação,
traz força em tua bagagem
e muita, muita paixão.

Contra falsos moralistas
e gente muito corrupta.
Contra tantos imbecis
e tantos filhos da  “truta”…,
digamos todos : “Presente”!                 
Somos universalistas!
Lutamos por toda a causa
que faça o povo feliz.
Não há tempo para pausa.
Já vai comprida a raiz.

Não importa a tua cor
ou a língua que tu falas.
Nesta batalha de Amor
não há quem atire balas.
Queremos lutar pela paz,
sem armas, sem violência.
Somos por tudo o que faz
do Amor, a nossa essência.

Contra falsos moralistas
e gente muito corrupta.
Contra tantos imbecis
e tantos filhos da  “truta”…,
digamos todos : “Presente”!                 
Somos universalistas!
Lutamos por toda a causa
que faça o povo feliz.
Não há tempo para pausa.
Já vai comprida a raiz.

Maria Letra
2013-06-27



5 comentários:

chica disse...

PRESENTE!!!

Adorei! E há tantos filhos da fruta,rs... Lindo m,ais uma vez aqui! beijos,chica

Maria Letra disse...

Chica, eu tinha-me enganado mas já corrigi. Fruta é uma coisa de que muita gente gosta e, portanto, mudei para truta, que essa aí não tem tantos apreciadores...rsrs.
Obrigada,amiga.
Beijinhos.

BIA disse...

Um poema canção que se encaixa perfeitamente ao atual momento que estamos vivendo no Brasil, grande verdade Maria!!!
Bjs :)

Paulo disse...

A minha vista foi inopinada. Ainda assim, bastante para sentir - vindo de este espaço - um apelo à "luta" pela liberdade e dignidade da pessoa humana. Neste cantinho, onde diz: "deposito os seus desabafos", há grandes lições de cidadania. Obrigado!!

Beijo

Paulo

Maria Letra disse...

Obrigada,Bia e Paulo, pela Vossa visita e comentário. Pena é que nem todos pensem da mesma maneira... Há por aí muitos que nem se dão ao trabalho de pensar. Incomoda-os muito..
Um abraço!