De velhas raizes minhas,

umas vivas, outras mortas,

retirei ervas daninhas

p’ra poder abrir mais portas.

Outros blogues:
http://www.worldartfriends.com/pt/users/maria-letra
http://www.recantodasletras.com.br/escrivaninha/

sábado, 14 de junho de 2014

PROMOVENDO O RESPEITO













Oh jovens coexistindo aqui comigo
neste mundo repleto de loucuras:
sigam este conselho que vos dou,
mais do que muito útil, muito amigo:
não embarquem nunca em aventuras
que desafiem vossas vidas.  Sou...
... uma mulher com uma certa idade...
mas já fui jovem. Tal como vocês,
cometi algumas imprudências
de bradar aos céus! Sim, isso é verdade!
Foi tudo fruto duma insensatez
que, normalmente, traz consequências.

Sejam prudentes, nunca inconscientes;
não provoquem; não sejam malcriados
com os mais velhos, pais e professores.
Um dia, se ficarem dependentes,
poderão ser vocês, os provocados
vivendo, na velhice, dissabores.
As vossas acções hoje, criarão
um conto muito lindo, que eu auguro
os vossos netos possam vir a lê-lo.
Amem os outros d’alma e coração
e, se querem respeito no futuro,
comecem, hoje mesmo, a promovê-lo.

Maria Letra
2014-06-14

Enviar um comentário